Síria: onde as linhas são de todas as cores

Não é chocante. Não é triste. Não é condenável. É tudo isso e muito mais. As palavras são vãs na tentativa de descrever o ataque químico na Síria. As imagens, essas, são poderosamente perturbadoras. Mas tudo isto fica muito aquém da barbárie de centenas de crianças, homens e mulheres mortos e feridos por respirarem uma … Continue reading Síria: onde as linhas são de todas as cores

UE e Merkel, façam favor de tomar nota

Foi espantoso o ativismo com que o porta-voz da Comissão Europeia (CE), Margaritis Schinas, anunciou que a Comissão tomava nota do resultado do referendo húngaro às quotas de recolocação de refugiados. Igualmente espantosa foi a conduta da União Europeia (UE), comandada pela sra. Merkel, no processo de escolha do novo secretário-geral das Organização das Nações Unidas … Continue reading UE e Merkel, façam favor de tomar nota

Georgieva é a Alemanha na ONU

Ameaçaram e cumpriram: a apenas alguns metros do final da corrida, eis que entra na contenda outro concorrente à secretaria-geral da Organização das Nações Unidas (ONU). Neste caso, uma concorrente, e do Leste europeu – as duas características-chave escolhidas este ano como determinantes para o cargo. A candidatura de Kristalina Georgieva é mais do que … Continue reading Georgieva é a Alemanha na ONU

Guterres e Barroso: os lóbis não são para todos

António Guterres e Durão Barroso são os mais internacionais dos políticos portugueses. Atualmente, o primeiro esforça-se por entrar num prestigiado cargo mundial onde habitualmente se faz pouco parecendo fazer muito; o segundo é melhor nem falar do que vai fazer, mas quer fazê-lo sem ser excomungado da instituição europeia de onde saiu. Os dois diferentes, … Continue reading Guterres e Barroso: os lóbis não são para todos